Policial militar de Alagoas é preso em Pernambuco comprando bazuca

Policial militar de Alagoas é preso em Pernambuco comprando bazuca

access_time 7 de agosto de 2018 Este post foi lido 137 vezes

Gedalias Miguel da Silva, cabo da Polícia Militar de Alagoas, foi preso no bairro de Santo Aleixo, Jaboatão dos Guararapes, no Grande Recife, na segunda-feira (6). Ele, que é lotado no 6º Batalhão alagoano, estava em Pernambuco para comprar uma bazuca, que seria usada para roubos a carro-forte.

O armamento pesado era negociado por R$ 12 mil, pagos a André Filipe Cardoso Lemos Santiago, que se diz colecionador de armas, e contou à polícia que adquiriu a bazuca em um leilão. Também participava da negociação Charles Francisco Dantas Júnior, que acompanhava o PM no momento da compra e participaria de assaltos. Os três homens foram autuados em flagrante.

A prisão ocorreu por volta das 12h, nas proximidades do posto Pichilau, BR-232. A polícia também apreendeu com os suspeitos uma pistola PT-100, pertencente à PM de Alagoas, um revólver calibre 357 e 90 munições calibre 38. Os homens foram levados para o Departamento de Repressão aos Crimes Patrimoniais (Depatri).

A Polícia Civil de Pernambuco afirmou que vai divulgar em breve todos os detalhes da prisão, em coletiva cujo horário está para ser anunciado.

Polícia Militar de Alagoas e cúmplice

Segundo a polícia alagoana, o flagrante deverá ser anulado, pois a bazuca seria obsoleta, não configurando crime a comercialização. Em nota, a PM de Alagoas afirmou que aguarda a confirmação da prisão do cabo Gedalias, para que a Corregedoria realize “providências” quanto ao caso.

O homem que acompanhava o cabo na compra, Charles Henrique, já respondeu processo por roubo, sendo absolvido, e responde atualmente por um homicídio qualificado, ocorrido no bairro da Macaxeira, Zona Oeste do Recife, em 2014.

content_copyCategorized under